RELEITURAS

Além de promover a proteção e promoção de manifestações consideradas patrimônios culturais imateriais afro brasileiros, o projeto, enfim, justifica-se por promover trocas de conhecimentos, debates e encontros sobre estes temas a fim de romper o imaginário negativo sobre os povos africanos e afro brasileiros com o intuito de desconstruir preconceitos raciais históricos, contribuindo para o resgate da identidade na formação desta e de novas gerações. Ao enxergar a cultura negra como protagonista e formadora desta sociedade, desmitifica-se para o cidadão a imagem passiva do negro e da sua história no Brasil, abordagem que constrói uma percepção problemática e racista no imaginário coletivo do próprio brasileiro, que deveria ter a oportunidade de desconstruí-la desde o começo do seu processo de educação tanto escolar quanto civil.

Para ver mais releituras acesse:

https://www.facebook.com/surama.caggiano

Escola Pedro Paulo Rebello